sexta-feira, dezembro 30, 2005

Resoluções e banalidades

É um lugar comum, quase tão comum como desejar um bom ano, aparecer sempre um "parvalhão" a dizer que não liga a isso. Ora cá estou, portantos, a fazer o tal papel:

"Ah e tal, eu não ligo a isto da passagem para um ano para o outro!"

E pronto, está dita a banalidade do dia! No entanto, estes marcos acabam por causar uma reflexão temporal, sobre certos e determinados períodos e factos das nossas vidas (e surge assim a 2ª banalidade do dia). Também por norma não o faço, se bem que tenho muitas coisas de todo o tamanho e feitio para recordar de 2005 .

Mais uma vez, dando asas ao meu lado pragmático e ultra-hiper racional, reafirmo vezes sem conta que isto do tempo é uma invenção do homem, e até já por aqui discorri sobre as razões e as dúvidas que tenho sobre
o assunto. Há até por aí malta que anda noutros anos e só os comemora noutros dias.

Vem tudo isto a propósito de um cartão electrónico de votos de um magnifico ultra-hiper-mega 2006, que uma senhora me enviou e que me chamou a atenção por conter nele 10 resoluções - as famosas resoluções de novo ano, que as pessoas fazem e depois muito raramente cumprem, porque estas coisas não funcionam assim por "dá cá esta palha" - e que supostamente eu deveria fazer.


Ora bem, xôra Dona Xpto, agradeço e retribuo os votos de um Feliz 2006, mas destas resoluções que me sugeriu, vou somente comprometer-me numa delas, porque as outras pura e simplesmente não dá. Fica desde já resolvido que não as vou cumprir. Ora então cá vai disto:

1 - Usar mais os transportes públicos. Esta até nem seria muito difícil, dado que eu não os uso de todo. Mas vamos lá a ver uma coisa. De carro eu demoro, de manhã, 15 minutos no trajecto casa-trabalho e outro tanto ao fim do dia. Nos transportes públicos a coisa atirava-se facilmente para os 30. E depois eu preciso de fazer coisas (de trabalho) numa base diária com O CARRO! E tenho que ir levar o puto à escola e buscá-lo. E ultimamente tenho-me deslocado frequentemente ao Ribatejo a horas em que não há muitos transportes públicos... E basicamente não dá! Esta é para esquecer.

2 - Fazer Sky-Diving. Soubesse a Xôra Xpto o cheiro nauseabundo que emana da minha roupa interior, de cada vez que eu imagino que vou voar, nem sequer se atrevia a sugerir-me esta resolução. Sair de um avião pela porta por onde entrei, mas sem que o mesmo esteja no solo? Mas está tudo doido ou quê? Meus amigos eu tenho um buraco ao fundo das costas. E quem o tem, tem medo!

3 - Andar mais na praia. Ora bem... aqui passa-se o seguinte. Eu não gosto muito de andar e a praia também é uma coisa que não me cativa por aí além. Meia dúzia de dias por ano e está a coisa feita.

4 - Fazer Body-Building. Ora bem, se há coisa que eu não consigo de todo fazer é praticar todo e qualquer exercício físico, individualmente . Recentemente voltei a jogar futebol, numa base semi-regular, mas daí eu não passo. Ah! e já agora, detesto tipos que fazem body-building. Mal por mal que façam canoagem ou halterofilismo, agora body-building... Isso é muito narcísico.
5 - Tornar-me um activista de algo. Isto também é coisa que não se ajusta ao meu perfil. Para me tornar activista de algo, teria de ter um interesse extremo pelo "algo". Tornar-me activista só por tornar, parece-me francamente parvo.

6 - Ser expulso de um Reality Show. Ora se eu nem quero entrar em nenhum...

7 - Ir ao médico. Cheira-me que ainda não é no ano que vem...

8 - Estar contente/feliz. Ora bem, só mesmo esta resolução posso tomar com um objectivo. Esta sim, vou prometer a mim mesmo, que vou tentar continuar a cumprir!

9 - Fazer voluntariado. Fazer o quê? Ora se eu mal tenho tempo para me coçar... Volun quê? Quanto é que pagam?

10 - Fazer Bungee Jumping. Meus amigos, o fedor que emana da 2ª resolução, deveria fazer lembrar uma qualquer iguaria culinária, comparado com o que é produzido só de pensar que eu colocaria como possibilidade séria saltar para o vazio, com uma corda presa aos pés e sem a certeza que a mesma nem se quebraria, nem seria muito maior que o dito vazio. Nunca! Jamais na vida (acho eu...).


Ah e já agora um Bom Ano de 2006 PRATODÓMUNDO! (se possível sem tomar resoluções e muito menos levar em linha de conta algumas destas que estão nesta lista. Sky Diving? Mas está tudo doido ou quê?) e umas BOAS ENTRADAS (com pedido de desculpas para os potenciais futuros calvos que nos visitem). Tudo de bom para quem merece!

terça-feira, dezembro 27, 2005

segunda-feira, dezembro 26, 2005

As putas do Natal...

Holy bitch, silent bitch, all is deep, all is in...la la la laCom os desejos de que os leitores deste antro tenham tido o melhor Natal possível, fica a descrição de algo que me chamou a atenção, no caminho de uma última e apressada sessão de compras de Natal, ali para os lados do Freeport de Alcochete.
Tal observação deu-se enquanto passava de automóvel por uma estrada próxima de uma povoação, cujo nome tem cinco letras e que apresenta o estranho facto, vá-se lá saber porque razão, de todas as placas a indicar o seu nome terem a letra que fica no meio da palavra coberta com tinta (ou giz, ou um adesivo, ou outra coisa qualquer)...falo-vos da mui popular vila (ou aldeia) da Coina, entre Sesimbra e o Seixal.
Ora, quem conhece o sitio em questão, sabe que a estrada conhecida por recta de Coina é famosa pela presença diária de inúmeras senhoras, invariavelmente sentadas em bidões de plástico ou latas de tinta, estrategicamente colocados ao longo da referida estrada.
E não é que, mesmo durante a manhã do dia 24, havia serviço e clientela ao dispor de todo e qualquer homem que por ali se queira dirigir, de modo a desfrutar da chamada prenda de Natal adiantada?

Prova-se assim que o Natal, afinal, não é sempre que um homem quer...é sempre que um homem paga!

domingo, dezembro 25, 2005

Prémio "Crueldade natalícia":

Ricardo Costa, Director da SIC-Notícias por ter deixado que isto fosse emitido.

*este é o meu último post sobre presidenciais de 2005...mas só porque tenho de começar a estudar para uns exames que são a seguir ao Ano Novo...
E agora mais um pouco de má disposição Natalícia

E não será igualmente excessivo, oferecer prendas para um ser que ainda não respira o mesmo ar que nós?
Mesmo correndo o risco...

...de cair em lugares comuns e ao bom velho estilo d´"O Velho do Restelo":

Os Míudos hoje em dia recebem prendas a mais, ó catano! Nem foi propriamente o caso do meu filho, mas o meu sobrinho... PELAMORDEDEUS!

sexta-feira, dezembro 23, 2005

A Todos um Bom Natal e coiso e tal! (olha,versejei...)
Carmelinda vai em frente, tens aqui a tua gente!

A declaração do dia para esta antevéspera de Natal vai para Carmelinda Pereira, depois de não ter conseguido reunir as 7500 assinaturas necessárias para se apresentar na corrida à Presidência da República:

«Oficialmente não sou candidata, mas politicamente sou. Sou candidata a uma política socialista com todos os trabalhadores que querem mudar a situação do nosso país.»
(com a devida vénia ao Diário Digital)

PS: Feliz Na...Coiso...como é que se chama...ai...Na...quê...Natal! É isso: Feliz Natal!

quarta-feira, dezembro 21, 2005

Post sobre gases intestinais *

Pfffffffffffffffffffffffffffffffff
Trak
Pfiiiuuuuu
Brrrrrlopppp
Pum
Trrrrrrrrrrrrtetetettrrrr
pfff
Pum...pfffffff
Trás...splash
Prrr..pr...Prrrrrrr...Prrrrrr...Pffffff

*(a pedido de várias famílias e motivado por um deserto de ideias do catano)
Ah, tá giro!

Another Jordan wannabeDurante muito tempo, este jogador foi considerado como o grande sucessor de "His Royal Airness" Michael Jordan, nunca tendo no entanto conseguido "ter jogo" para sequer se parecer com Jordan, quanto mais ser nomeado seu sucessor (apesar de ser um dos melhores jogadores da Liga). Mas ontem teve um momento que rivaliza com os melhores jogos de Jordan: Kobe, nos 3 primeiros períodos da partida, tinha marcado a módica quantia de 62 pontos, mais um que toda a equipa adversária junta (os Dallas Mavericks, uma das melhores equipas da Costa Oeste). Ora, e o que fez Kobe no final desse 3º período? Sentou-se no banco, e fez sinal que não jogava mais ao seu treinador (que é o mesmo que treinou Air Jordan nos Bulls, Phil Jackson).
Bryant podia ter entrado na galeria dos recordes da equipa (cujo recorde de pontos individuais num jogo vai em 71) e da própria liga (mais 11 pontos e teria ficado em 3º na lista de recordes absolutos, só perdendo para dois jogos de Wilt Chamberlain - que nos anos 60 fazia jogos de 60/70 pontos com uma frequência assustadora, tendo chegado mesmo aos 100 pontos num jogo), mas não. Optou por descansar e ver a sua equipa ganhar por "apenas" 22 pontos, 112-90 (quando saiu, a diferença estava nos 34, 95-61)...

terça-feira, dezembro 20, 2005

Pergunta sobre o debate desta noite

Depois de o prometer umas 10 vezes durante o debate de hoje, nomeadamente no intervalo de cada duas 'bojardas' (desculpem, mas é o único nome com que me parece possível descrever o que ouvi da boca deste senhor esta noite) sobre o seu opositor, quando será que o Dr. Mário Soares vai, finalmente, falar das suas ideias?

A minha previsão é que será no próprio dia 22 de Janeiro, cerca de cinco minutos depois de votar e 30 segundos antes de apelar ao voto em si próprio.
Medo!

Quando vi isto pela 1ª vez, aí pelas ruas, juro que me assustei

Como é que é possível ter um trabalho criativo tão mau?

segunda-feira, dezembro 19, 2005

Um post que não tem nada a ver com nada

Shlap shlap shlap...zzzz, ronccc...Uma coisa que me apraz imenso fazer (e o que eu gosto da palavra apraz) é andar à beira mar. Ouvir as ondas, sentir o cheiro da maresia, ver as gaivotas (essas grandes malucas). Ora, são precisamente as gaivotas quem me faz escrever este post. Enquanto ando pela marginal, a empurrar um carrinho de bebé, passo sempre a correr por baixo dos diversos candeeiros, isto porque as gaivotas fazem dos mesmos as suas casas de banho, e de quem por baixo delas passa o seu esgoto.
Hoje passeava pela marginal e já tinha anoitecido e ocorreu-me uma pergunta: Onde raio dormem as gaivotas?
Plano tecnocoiso...

Chamem-lhe plano tecnológico, chamem-lhe...Facto 1: o MIT (Massachusetts Institute of Technology), uma das mais prestigiadas instituições de ensino do mundo quer(ia) instalar um pólo de investigação e formação de pós-graduados em Portugal;
Facto 2: a Universidade Nova de Lisboa prontamente ofereceu uma área de 20 hectares, no Monte da Caparica, junto à Faculdade de Ciências e Tecnologia, para ali ser instalado o referido pólo;
Facto 3: as negociações já deveriam estar fechadas há cerca de um mês, mas até ao momento nenhuma decisão foi anunciada;
Facto 4: o MIT pretendia recrutar investigadores junto de todas as universidades nacionais, o governo português acha que deve ser apenas uma universidade portuguesa, nomeadamente o Instituto Superior Técnico (IST), a deter a exclusividade da parceria com o MIT.

Palpite: os senhores do MIT fartam-se de esperar e instalam o pólo de investigação e formação de pós-graduados na Galiza ou noutro qualquer sítio de Espanha onde ainda não exista, onde qualquer licenciado espanhol possa ter acesso a uma pós-graduação de elevado nível.

Curiosidade: a manter-se a birra do Governo, lembro que o Primeiro Ministro (o tal do plano tecnológico que já vai no 3º ou 4º responsável desde Fevereiro) não poderia ter acesso a essa pós-graduação, dado que se formou (pelo menos diz-se que se formou) numa outra universidade que não o Técnico.

Inovação? Tecnologia? Choques disto e daquilo? E que tal começar por mudar as mentalidades de quem manda?

sexta-feira, dezembro 16, 2005

Fracasso, o teu nome é Tojal

Vais partir...naquela estrada, onde um dia vieste a destruir...FINALMENTE!!! Com maiúsculas e tudo, porque é caso disso. FINALMENTE a direcção da Media Capital resolveu dar o braço a torcer, ouvir a voz da razão (a que os ouvintes das suas rádios andaram a bradar nos últimos 2 anos, 10 meses e 15 dias) e rectificar uma das maiores asneiras feitas no mundo dos media em Portugal, nos últimos tempos.
Sim, Pedro Tojal, o outrora todo-poderoso administrador da MCR é agora um ex-administrador. O termo certo é "despedido" (mesmo que o termo possa ter sido disfarçado nos comunicados da praxe por coisas mais suaves como "rescindiu o contrato por mútuo acordo", "acordou a rescisão" ou "deixou"). Mas, se ao invés de despedido quiserem utilizar as expressões corrido, varrido, despachado, escorraçado...não andarão muito longe da realidade.
Depois de destruir, mudando tudo, todo o universo de rádios do grupo Media Capital, depois de retirar programas de sucesso do ar, depois de mudar, e mudar, e mudar, e ainda mudar de novo...fartaram-se. O seu ego inflado de nariz empinado valeu-lhe, mesmo que acompanhado de um considerável número de notas de euro, a porta da rua e uma humilhação sem limites.

Podem consultar um pequeno resumo desta odisseia tojaliana nos posts seguintes: 25-09-2003; 28-03-2004; 11-09-2004 e ainda 05-11-2005.

Pedro Tojal, movido pelos mais puros sentimentos de inveja e mesquinhez, tentou destruir a carreira de quem lhe tirava o protagonismo nas manhãs da rádio nacional, a antiga equipa do Programa da Manhã da Comercial (a saudosa Rádio Rock), despachando-os para uma rádio local. Hoje, o chefe da banda dessa equipa é director dessa mesmo Comercial, faz as mesmíssimas manhãs e ainda tem um programa na televisão de indiscutível qualidade; um outro tem uma outra rubrica de sucesso numa rádio rival, um livro a vender muito bem e continua em plena onda de sucesso criativo e a terceira "membra" da equipa acabou de lançar o seu 1º trabalho em disco, citado no post anterior. Estará toda a gente enganada, como sempre, menos Tojal? Sejam vocês mesmo os juizes disso...a resposta está aos olhos de todos.

Resumindo, Pedro Tojal, você é o ego mais fraco...ADEUS!!!

quinta-feira, dezembro 15, 2005

Era uma vez...

Era uma vez...

Foi ontem a apresentação numa cerimónia privada (com cerca de 100 pessoas) do primeiro trabalho musical de Maria de Vasconcelos, "Era uma vez...". A maioria das músicas e letras são da autoria da cantora e uma das letras da autoria deste senhor (a ti também parabéns e, não sei porquê, mas penso que ainda hei-de dar-te mais... talvez seja só um palpite, mas...). O CD é uma óptima prenda de Natal. Ouçam uma pequena amostra neste blog.
À Maria desejo as maiores felicidades. E, sem saber se ela lê isto, obrigada eu, Maria, obrigada eu (tu sabes porquê)!
Às vezes, a TVI também tem coisas boas...

BOA NOITE!!!!Hoje fiquei a saber, pelo Diário Digital, que a 'jornalista' Manuela Moura Guedes deixará de apresentar o 'Jornal Nacional'. Será já a influência espanhola no capital da estação a vir ao de cima? (embora a senhora, com tanta maquilhagem, até pareça espanhola).
Fiquei contente, apesar de não costumar ver as notícias no ex-canal católico. Ao menos, poupo o susto de dar de caras com um estridente:

"BOA NOITE!!! EU SOU A MANUELA MOURA GUEDES!!!"

, enquanto faço zapping.
Para além da satisfação pela notícia em si, não pude deixar de rir quando, lá para o meio, dei com a seguinte frase, alegadamente, proferida pela própria 'jornalista': "...Há cinco anos foi-me pedido para ajudar a colocar de pé o projecto da TVI. Passados cinco anos, os resultados são claros: a estação tem uma informação credível, séria, isenta e líder de audiências...".
A única coisa que me deixou triste foi que, no meio de tanta treta, a parte da liderança de audiências é verdadeira...
Para quando apostas no Campeonato Mundial do Lançamento de Anões?

É apostar, é apostar...olha a aposta fresquinha...Ontem fui convidado para o lançamento oficial deste disco e, durante o mesmo, ouvi atentamente a descrição que um dos escribas aqui da tasca me fez da sua experiência neste site.

Não sou tipo de jogos de sorte, mas não resisti a dar por lá uma espreitadela e até de considerar fazer uma aposta de "meia dúzia de tostões". Como não sou muito versado na matéria, quem me pode ajudar? Prometo pagar uma percentagem em caso de ganhos avultados.

- Quem ganhará neste jogo entre o Al-Qadasiya e o Al-Tai, a contar para a Premier League da Arábia Saudita?
- Será Giorgio Rocca capaz de vencer o Slalom Masculino, em Kranjska Gora (Eslovénia)?
- E quem poderá ganhar o test-match a contar para a ING Cup, entre a Tasmânia e Victória?
- Já agora, quem me poderá auxiliar a fazer uma aposta consciente neste jogo, entre
Akerselva e Sveiva ?
- Que é que acham da actual forma de Yasuhiko Matsunaga?
- E do Ding Junhui?
- Têm acompanhado a carreira da equipa de Kilkenny que irá disputar os All Ireland Hurling Championship?
- Ah e este desporto é muito sexy! que vos parecem as jogadoras da Dinamarca?

Agradeço desde já toda e qualquer colaboração, senão serei obrigado a apostar 10 euros na vitória da Trinidad e Tobago, no próximo Campeonato do Mundo de Futebol, em que estes senhores garantem pagar 1:1000, o que me parece um perfeito desperdício de dinheiro. Ou então não...
O outro lado das presidenciais...

António Garcia Pereira, Carmelinda Pereira; Gonçalo da Câmara Pereira, José Maria Martins, Luís Botelho Ribeiro, Luís Filipe Guerra, Manuel João Vieira, Manuela Magno, Mário Nogueira, Nelson Magalhães

1. "E tem rostos que são precisamente os daqueles abencerragens que são os primeiros e principais culpados pela catástrofe social, política, económica e financeira que é hoje Portugal." - António Garcia Pereira;

2. "Uma cadeia organizativa que reforce a a participação nas acções de mobilização e de resistência, unidos com todos os nossos sindicatos e comissões de trabalhadores, para não deixarmos o governo de Sócrates concretizar o seu plano anti 25 de Abril." - Carmelinda Pereira;

3. "É poeta, fadista e monárquico com direitos sucessórios ao Trono de Portugal, contudo isso não o impede de, como cidadão português, concorrer à eleição ao mais alto cargo da República." - Gonçalo da Câmara Pereira;

4. "Vergonha é o que sinto quando me lembro que este Portugal ,de homens e mulheres rijas, já foi um grande país e agora somos a lanterna vermelha da Europa." - José Maria Martins;

5. "Há todo um Portugal que de certo modo se afundou no rio Douro numa noite de Março de 2001." - Luís Botelho Ribeiro;

6. "Esta é uma candidatura humanista. Quer porque surge por iniciativa do Partido Humanista quer porque, através de mim, propõe um novo modo de pensar e sentir a política baseado numa atitude humanista." - Luís Filipe Guerra;

7. "As assinaturas são o clitóris dos candidatos a presidente." - Manuel João Vieira;

8. "Penso que um presidente da República tem de ser uma pessoa que goste de comunicar com os outros... e ter também energia fisica. Eu, que sou professora, sei o quanto ela é precisa para se dar uma aula!" - Manuela Magno;

9. "É possível vivermos melhor, num País justo, seguro, arrumado, feliz. É possível acabarmos com a miséria, o desalento, a droga, o crime, o mal." - Mário Nogueira;

10. "Vale mais ter um cavalo bem tratado que possuir uma centena e deixá-los morrer à fome, por não ter feno para os alimentar." - Nelson Magalhães.

quarta-feira, dezembro 14, 2005

"Coincidências" do nosso futebol

Ora deixa cá ver quem é que eu escol...nomeio esta semana...Depois de ver as nomeações do Conselho de Arbitragem da Liga para a 15ª jornada da Liga betandwin (ou lá o que é) já nem sei o que diga:

Naval - Sporting .......... Paulo Paraty (A.F. Porto)
Benfica - Nacional .......... Jorge Sousa (A.F. Porto)
FC Porto - Penafiel .......... Artur Soares Dias (A.F. Porto)

Ora, temos 25 árbitros de "1ª categoria" - destes, 5 são da A.F. Porto, e 3 calham, na mesma semana, nos 3 jogos dos 3 chamados grandes do futebol nacional. De fora ficaram apenas os irmãos Rui e Paulo Costa. Vale a pena dizer mais alguma coisa?

Se calhar é por causa disso que tanto Paraty como Jorge Sousa vão ser, cada um deles, o 4º árbitro da A.F. Porto a estarem em jogos do Sporting e do Benfica esta época (4 em 15 - 27%)! E, se calhar, é por causa disso que acontecem coisas como estas:

- É a primeira vez, esta época, que tanto Jorge Sousa como Artur Soares Dias (ambos da A.F. Porto) apitam qualquer um dos grandes...e logo na mesma jornada;
- Quando ainda nem chegámos a meio do campeonato, o Sporting já repetiu Paulo Costa e apresta-se a repetir Paulo Paraty (ambos da A.F. Porto) e ainda João Ferreira; o Benfica já repetiu Lucílio Baptista e o Porto já repetiu António Costa e teve 3 arbitragens com Lucílio Baptista;
- O Sporting já repetiu 4 árbitros assistentes, o Benfica 5 e o Porto 7. Tudo "normal", dado que são "apenas" 52 árbitros assistentes, na 1ª categoria;
- Os dois primeiros jogos do Sporting na edição da Liga deste ano tiveram como observador o sr. José Alves; em 3 jornadas consecutivas, entre a 5ª e a 7ª, um tal de Domingos Gomes foi o observador de serviço nos jogos do FC Porto. O sr. Valdemar Lopes também bisou, nas jornadas 8 e 10 (dois jogos fora das Antas) e o sr. Natálio Silva foi observador em 4 jogos do Benfica, incluindo nas jornadas 10, 12 e 14 (tudo jogos em casa, curiosamente). Mas também, são apenas 33 observadores, é "normal".

Apetece-me dizer que o que vale é que não se optou pelo sorteio, não fossem acontecer coincidências esquisitas. É bem preferível e credível confiar nas nomeações certeiras dos senhores da Liga "Profissional" de futebol!

terça-feira, dezembro 13, 2005

Promessas eleitorais do Eng. Sócrates - o 1º esboço

Assim até parece fácil, não é?

A + B = 150,000 empregos. Fácil, não é?

segunda-feira, dezembro 12, 2005

Nova secção no desBlogueador de conversa

O sexo do seu filho? Ora deixa cá ver... Foi feito onde, a que horas, após ou antes da refeição? Cor do azulejo da WC? Onde comprou a sua roupa interior? E já agora o seu nºde eleitor!Após provas dadas anteriormente, tenho o prazer de vos apresentar o nosso novo colaborador, o excelso Professor Doutor Joaquim "Karamba" Varela, descendente dos maiores videntes africanos, discípulo de vultos do obscurantismo como Heu-Eh-Ke-Sei e de Euve Jotudo e com bastas provas dadas. Com um grande historial e toda uma carreira feita nos campos do futebol, da política, do amor, do sexo, dos maus-olhados, dos jogos de azar, da previsão de grandes catástrofes naturais e, acima de tudo, em previsões de números em mesas de roleta, é com grande honra que lhe abrimos os braços e lhe desejamos uma frutuosa colaboração aqui com a nossa tasca.

Para início das "hostilidades", responde o GRANDE Prof.Dr. (esta forma abreviada de tratamento foi uma deferência e um pedido do mesmo) a uma série de questões que lhe foram colocadas anteriormente:

P - "com quem é que o Benfica joga nos oitavos-de-final da Champions??" (questão colocada por Nelson Santos);

R - Caro Nelson, jogará com o Arsenal (empate 2-2 e vitória 0-3), depois com o Barcelona (derrota 0-2 e vitória 0-3) e nas meias finais será eliminado pelo Glasgow Rangers (vitória em casa por 4-0 e eliminação nos penalties por 21-20);

P - "já agora dá ai uns palpites para o Euro Milhões" (questão colocada por LA SCP);

R - Caro LA, podes jogar nos seguintes números: 3,4,5,6, 41 e nas estrelas 8 e 9;

P - "1ª o scolari vai ao mundial com a selecção portuguesa ?2ª se for o baia é convocado ?3ªquem sera o futuro mister da nossa selecçao pós scolari?4ª QUANDO É QUE O MOURINHO VOLTA PARA O PORTO ?" (questões pertinentes colocadas por [tomane]);

R - Pois, caro [tomane], o Nelson tentou dar a sua perspectiva racional, mas está redondamente enganado, dado que ele não domina o futuro e aqui vai o que irá suceder:

1 - Sim, o Scolari vai ao Mundial, treinando a selecção Angolana, que causará grande furor ao vencer a Selecção Portuguesa, por 4-0.
2 - O Baía não vai ser convocado, porque vai contrair uma lesão cervical, devido a excesso de práticas sexuais, com a sua nova companheira.
3 - Será o Professor Neca, coadjuvado por José Rachão e Hermínio Barreto.
4 - Mourinho voltará ao Porto, na próxima época, quando o Real Madrid vier disputar o jogo da pré-eliminatória da Champions League com o FCP. Para isso e para comprar um apartamento no Bulhão.


P - "Já agora qual será o melhor marcador do nosso grupo?" (colocada por T-Rex);

R - Será sem sombra de dúvida, Katumbé, extremo esquerdo do Arrifanense, distinta colectividade que milita na III Divisão, que aos 37 anos de idade (diz ele...) irá marcar 12 golos;

P - "quem ganhará o campeonato nacional deste ano?" (por Pall Mall);

R - Caro Pall Mall, se o processo Apito Dourado seguir em frente será o Rio Ave, caso contrário será o Nacional da Madeira, como forma de incentivar a eleição de Rui Alves para a presidência da Liga de Clubes.

Muito obrigado e uma boa semana;

PS: Já agora deixo-vos aqui uma borla, o próximo Campeão do Mundo de Futebol será a Arábia Saudita!

sexta-feira, dezembro 09, 2005

Apanha-se mais depressa um mentiroso...

Velho ainda vá que não vá...Ontem, durante o debate com Jerónimo de Sousa, e respondendo à seguinte pergunta:

"- Esperava ser o único candidato da esquerda?"

Responde Mário Soares:

"- Sim, nomeadamente após a vitória do PS nas eleições pensei que podia ser o único candidato, mas depois começaram a aparecer outras candidaturas..."

E, por mais improvável que possa parecer, são igualmente de Mário Soares, do passado dia 24 de Novembro, as seguintes palavras:

"- Tive o mês de Agosto para pensar e no final do mês decidi. Fiz tudo para não ser candidato, apoiei a candidatura de António Guterres, embora estivesse convencido que ele não ia avançar".

Ora, vamos lá ver! Se as eleições a que Soares se refere, e em que o PS venceu, com maioria absoluta, foram a 20 de Fevereiro de 2005, e se o mesmo Soares só se decidiu avançar à candidatura, após intensa pressão do PS e aprofundada introspecção e blá blá blá..., em finais de Agosto, como é que ele poderia ter pensado em ser o único candidato presidencial de esquerda logo a seguir às referidas eleições, cerca de 7 meses antes?
Pequeno momento de introspecção religiosa

Ó Deus dos sorteios, não permitas que daqui a 2 horas e meia, a nossa selecção fique num Grupo "acessível" (por exemplo México, Angola e Irão) e coloca a "equipa de todos nós", no Grupo mais complicado possível (por exemplo Argentina/Brasil, Sérvia-Montenegro e Coreia do Sul) .

Amen!
Ó querido, mas vá lá...eu faço-te um b...vá lá, porque é que foges?Prémio: o conselho médico do ano 2005

E o prémio vai para a Dra. Helaine Smith, de Boston pelo apelo a que pessoas que usem aparelhos de correcção dentária não pratiquem o chamado sexo oral.

Destaco a frase:

"Metal braces can scratch genital areas or rip a hole in a condom, increasing the potential for sexually transmitted diseases such as HIV/AIDS". Bonito e educativo!

Ah, e muito e muito obrigado, cara Helaine. E a propósito, que belo sorriso o seu!
Já vos disse que isto é a maior invenção desde a roda? Já? Mas eu volto a explicar a razão! É que isto...Olhó iPod fresquinho!

Alguma vez me passou pela cabeça ter dias e dias e dias de música ao meu agrado na palma da mão? Isso e outras coisas que estou agora a começar a descobrir!

Meus amigos, isto é definitivamente a maior invenção desde a roda! Ah, espera aí, deixa-me cá tomar mais um "Rodin"*!

* Medicamento vendido somente por receita médica, que visa evitar que se esteja a dizer "Isto é a maior invenção desde a roda!" por tudo e por nada.

quinta-feira, dezembro 08, 2005

Ora então venham de lá esse Arsenal/Liverpool e a selecção Inglesa no Mundial!

Please, let me stay at home, Mr. Erickson...Histórico de clubes portugueses (e da selecção) contra equipas das terras "de Sua Majestade" desde 2000:

* Euro 2000 - Portugal 3-2 Inglaterra (1º jogo da fase de grupos);
* Taça UEFA 01/02 - Porto 0-2 Liverpool (0-0 nas Antas, 2-0 em Anfield);
* Champions League 03/04 - Porto 3-2 Man. United (2-1 nas Antas, 1-1 em Old Trafford, nos quartos de final);
* Euro 2004 - Portugal 2-2 Inglaterra (6-5 nos penalties, nos quartos-de-final);
* Champions League 04/05 - Porto 2-1 Chelsea (Porto apura-se no último jogo da fase de grupos, com esta vitória);
* Taça UEFA 04/05 - Sporting 4-2 Middlesbrough (3-2 no Merseyside, 1-0 em Alvalade, nos oitavos-de-final);
* Taça UEFA 04/05 - Sporting 4-2 Newcastle (1-0 em Newcastle, 4-1 em Alvalade, nos quartos-de-final);
* Champions League 05/06 - Benfica 2-1 Manchester (Benfica apura-se no último jogo da fase de grupos, com esta vitória).

Portanto, e tirando aquele acidente do Porto com o Liverpool, em 2001, com as equipas portuguesas, o trigo é limpo e a farinha é Amparo!

quarta-feira, dezembro 07, 2005

Um post cheio de Amor:

Porque somos o Benfica. Porque somos os Maiores. Porque o nosso pior jogador é apenas melhor que os jogadores dos outros clubes. Porque jogamos com 65000 e 11. Porque quando se vê um jogador do Benfica a correr, vêem-se as almas de milhões de pessoas a ajudá-lo. Porque sabemos sofrer. Porque sabemos ser grandes. Porque os nossos jogadores têm nobreza. Porque têm alma. Porque era o Miki naquela coreografia dos Diabos Vermelhos. Porque acima do A, B ou C, está o Benfica. Porque quem viu o jogo, viu que éramos muitos mais em campo do que os do adversário. Porque ninguém, mesmo ninguém, pára o Benfica. Porque temos história. Porque temos futuro. Porque nos sabemos fazer felizes. Porque nem todos merecem ter a honra de subir à Glória com a Águia ao peito. Porque em todo o mundo, onde quer que haja alguém nobre, hoje, há alguém a sorrir. Porque soubemos ganhar e saberíamos perder. Porque hoje se inaugurou a mística na Nova Luz. Por isto e por muito mais que só se consegue sentir: Somos o Benfica!

PS: E jogámos com as reservas...fará se jogássemos com os titulares!
PPS: Para mim, Cristiano Ronaldo não seria convocado para o Mundial, depois do que fez na Nova Luz. Ele que se lembre que mais de metade do povo da selecção é do Benfica.
Ai, Portugal, Portugal

Ontem ao fim do dia, quando me deslocava para casa, sintonizei o rádio do meu carro na Antena 1, que transmitia um programa desportivo, em antecipação ao jogo decisivo do FCP, na Eslováquia, frente ao Artmedia. Em 10 minutos delirantes, coloquei muita coisa em causa:

- Gilberto Madaíl, Presidente da FPF, justificando a não inclusão de Portugal nos cabeças de série para o sorteio da Fase Final do Campeonato do Mundo de Futebol:

- "Os cabeças de série foram determinados quer pelo ranking da FIFA, quer pelas participações em fases finais anteriores. E nós só vamos agora participar pela 3ª vez."

- Quase de seguida o "Professor Bitaites" (Hernâni Gonçalves), chega atrasado a uma tertúlia de adeptos do FCP, reunidos na Invicta e após lhe terem comunicado a equipa inicial do seu clube, assim como o estado do relvado e do tempo, sai-se com estas duas considerações hilariantes:

- "Os jogadores com mais técnica, sobressaem neste tipo de jogos com relvados em mau estado";

- "Sabe-se que o Artmedia tem como matriz o futebol balcânico, eminentemente tecnicista, que se espalhou com o desmembramento da ex-Jugoslávia"

E pergunto-me eu se valerá mesmo a pena oferecer-me neste Natal, uma coisa destas, correndo o risco de passar ao lado de pérolas deste calibre.

terça-feira, dezembro 06, 2005

Stupid is who stupid says

Ó Marinho, é disto que tu querias, não???Depois de Mário Soares ter defendido, na passada segunda-feira, que todos os portugueses deviam ter direito a um mês de férias no Brasil, quando completassem o 12.º ano, porque «para ter orgulho em Portugal é preciso conhecer o Brasil», os restantes candidatos à presidência da República chegaram-se à frente com propostas igualmente parv...tentadoras.

Assim, o outro candidato socialista, Manuel Alegre, pensa avançar em breve com a proposta para que todos os portugueses que acabem o 6º ano recebam uma cópia da 1ª edição dos Lusíadas, autografada pelo próprio Camões. Já Cavaco Silva diz ser sua intenção adquirir um BMW Z4 para todos os portugueses que acabassem a Universidade com média superior a 10. Enquanto isso, o candidato comunista, Jerónimo de Sousa, optou por considerar ser adequada a oferta de uma visita a Moscovo, para visitar o túmulo de Lenine, a todo o trabalhador-estudante inscrito num sindicato. Francisco Louçã foi ainda mais longe, considerando ser sua ideia, caso chegue a Belém, tornar obrigatória a oferta de 2 quilos e meio de marijuana de 1ª qualidade a qualquer aluno que termine a 4ª classe.
De todos os restantes, confesso que fiquei francamente bem impressionado com os desejos/promessas eleitorais de dois outros candidatos. Assim, enquanto José Maria Martins diz que promete deixar de aparecer em todos os telejornais, pelo menos durante o período de tempo em que estiver em funções, o candidato Vieira promete "Um Ferrari para cada português, 100 mil euros em cada conta bancária"...e fellatios para toda a gente.
Promessas, promessas!!!

segunda-feira, dezembro 05, 2005

Abram a caixa de Pandora...

Muito mais música...

Um dos melhores sites para conhecer novas (e velhas) músicas. É só escrever o nome de uma banda e esperar que o software vos leve à deriva por sons mais ou menos semelhantes. E, garanto-vos, apanham-se algumas surpresas bem agradáveis!

domingo, dezembro 04, 2005

Tudo bem que Rui Dâmaso vence 8º Open de Benfica...

...mas se continuarem a ler a notícia, encontram ali pelo meio, o nome deste vosso humilde escriba, que se classificou inacreditavelmente, num fabulástico 20º lugar (entre 128 jogadores), que para meu grande espanto e surpresa, deu direito a um prémio monetário e também a um outro em espécie.

Para um curioso autodidacta, isto é quase que equivalente ao Olivais e Moscavide, chegar às meias-finais da Taça de Portugal em Futebol!

Grande dose de vitaminas para o ego que eu tomei neste dia. E como ele insuflou! Sou o maior (ou então não...)
Só neste país...

Conhecem mais algum país do mundo onde o Primeiro-Ministro, o Ministro da Defesa e 4 outros civis tenham sido mortos num atentado e, 25 anos depois do evento, nunca se tenha conseguido julgar os seus autores, apesar de ter havido quase uma dezena de Comissões Parlamentares de Inquérito e seja já praticamente unânime nessas CPI que se tratou dum atentado?

sábado, dezembro 03, 2005

Ora, era mesmo isto que eu andava à procura!

Para quem, como eu, nem tem tempo para coçar a sua micose no escroto e gosta de ler o seu livro/ver o seu filme, mas não sabe como - porque quando chega a casa já não tem pachorra nem para a Eva Longoria nua, quanto mais para 'cóltura' - chegou agora um site que nos resolve esse problema: O "Book-a-minute" e o "Movie-a-minute" e o seu nome diz tudo: condensam obras como "A Irmandade do Anel" ou o "D. Quixote", em duas ou três linhas que se lêem num minuto no máximo. Por exemplo, aqui fica como eles condensam toda a obra de Stephen King:

It was a nice day...........................AND THEN EVIL CAME!

THE END
Imainada!

sexta-feira, dezembro 02, 2005

Ele há prémios para tudo...

E, para provar que o título deste post tem alguma razão de ser, deixo-vos com os vencedores da edição deste ano dos "Prémios para logotipos fálicos":

Eheh, parece mesmo uma pila, pá!
As coisas que esta malta descobre

No more limbo? Oh no...Meus amigos, estou muito mais descansado, desde que li isto. Assim, o meu filho já está livre deste autêntico martírio que é o Limbo. Mas outra questão pertinente se levanta:

Então e os que andaram no Limbo estes anos todos? Já os informaram desta amnistia? Já os enviaram para a sua morada definitiva?

Como é que é, ó Bento?

PS: Espera aí, lembrei-me agora que o meu filho já não é um bebé. Para esses ainda existe o Limbo, ou é Inferno directamente?

quinta-feira, dezembro 01, 2005

CP - Qualidade acima de tudo

Há uns tempos atrás, no comboio:

JM - Bom dia, eu sou a "Jáquina Maria" e trabalho para a CP. Estou a fazer um questionário para averiguar a qualidade dos nossos serviços. Importa-se de responder a umas perguntas?
Eu - Pode perguntar.
JM - Antes de mais, o senhor ou alguém da sua família trabalha ou já trabalhou para a CP?
Eu - Não.
JM - Então obrigado, bom dia! (e foi-se embora)

E eu tudo bem...

quarta-feira, novembro 30, 2005

The amazing Cavaco related random phrase maker 1.0

Cavaco é...

14 de Setembro de 2005 - Cavaco não tem perfil para Presidente da República, nem a formação humanística que deve ter.
01 de Novembro de 2005 - Cavaco não tem coragem de dizer que é um político profissional.
02 de Novembro de 2005 - Cavaco tem uma concepção de democracia muito pouco estruturada, como político intermitente que é.
02 de Novembro de 2005 - Cavaco só escreve sobre economia e finanças.
02 de Novembro de 2005 - Cavaco tem um currículo curto para ser Presidente da República.
10 de Novembro de 2005 - Cavaco é um candidato esfinge, que prolonga o tabu do silêncio e que priva da palavra os outros candidatos.
14 de Novembro de 2005 - Cavaco não está bem consigo próprio.
15 de Novembro de 2005 - Cavaco quer vingar derrota face a Sampaio.
16 de Novembro de 2005 - Cavaco é hirto, complexado e aflito.
17 de Novembro de 2005 - Cavaco é o responsável pelos problemas orçamentais do país.
24 de Novembro de 2005 - Cavaco nunca foi posto à prova quando as circunstâncias mudaram, e as suas qualidades técnicas são um mito.
24 de Novembro de 2005 - Cavaco só fala por frases feitas, por slogans e que não diz nada sobre nada.
25 de Novembro de 2005 - Cavaco faz discurso de esquerda para captar votos.
25 de Novembro de 2005 - Cavaco a presidente não me deixará dormir descansado.
25 de Novembro de 2005 - Cavaco tem problemas à direita onde lhe estão a surgir anticorpos de todo o tamanho aqui e ali.

Este novo software eleitoral, desenvolvido em Portugal, graças a uma bolsa de estudo atribuída pela Fundação Soares e financiada a 100% pelo Ministério da Justiça, forneceu também os resultados para o próximo mês e picos, a que o desBlogueador de conversa teve acesso, num rigoroso exclusivo, e dos quais se destacam os seguintes:

04 de Dezembro de 2005 - Cavaco é cocó.
09 de Dezembro de 2005 - Cavaco gosta de ir a Santa Comba Dão colocar flores junto ao túmulo do Salazar.
12 de Dezembro de 2005 - Cavaco vai entregar Portugal aos espanhóis.
17 de Dezembro de 2005 - Cavaco uma vez bufou-se num Conselho de Estado e aquilo era cá um pivete.
25 de Dezembro de 2005 - Cavaco disse-me que não acredita que o Pai Natal exista.
31 de Dezembro de 2005 - Cavaco é o filho de Satanás.
01 de Janeiro de 2006 - Cavaco não me ligou sequer para desejar um feliz Ano Novo, é malcriado e insolente.
13 de Janeiro de 2006 - Cavaco cheira mal dos pés.
21 de Janeiro de 2006 - Cavaco não respeita o período de reflexão e por isso vai toda a gente amanhã votar contra ele.
22 de Janeiro de 2006 (no preciso momento em que coloca o seu boletim de voto na urna) - Cavaco é um palerma e vai perder, nha nha nha...
É por estas e por outras que eu digo que é cada vez mais duro ser homem

Esta notícia absurda enoja-me quase tanto como os actos que é suposto prevenir. Mas onde é que isto vai parar? Para quando aviões só para homens? E outro só para mulheres? E outro só para crianças? E outro só para transexuais com fixação em ídolos dos anos 50? E outro só para...

segunda-feira, novembro 28, 2005

sábado, novembro 26, 2005

Finalmente...a glória! (ou a falta dela)

O pior filme de todó sempreFinalmente, ao fim de 6 penosos anos, consegui ver um filme que classifico como o "pior filme de todos os tempos" - Deuce Bigalow: European Gigolo - , destronando assim aquele que eu repetidas vezes classifiquei como "não é possível fazer pior" -Blair Witch Project. Afinal, a famosa Lei de Murphy confirma-se verdadeira: pode sempre fazer-ses pior e é o próprio Rob Schneider que o prova à exaustão, nestes 83 minutos de película. Ao fim de 10 minutos de filme qualquer apreciador de comédia teria desistido, mas eu aguentei-me só para ver o quão mau era este filme...e é mesmo muito mau. Mas quando eu digo mau, é mesmo mau. Ora se até eu, que sou um tipo meio parvo e sem piada, escrevia uma coisa melhor numa tarde...
Se estão à procura de uma novidade para poderem contar na noite da Consoada do estilo: "Epá, outro dia vi um filme tão mau...", não percam tempo e façam como eu: Liguem o eMule e saquem o filme (sim, porque este filme não vale o dinheiro do papel onde o bilhete é impresso) já!

sexta-feira, novembro 25, 2005

Granda nóia

Supostamente estão aqui representadas 78 bandas... O tempo que eu já perdi a olhar para isto, meus amigos.

Setenta e quantas?
(carregar para aumentar)
Foi há 30 anos:

Viva a Liberdade!

quinta-feira, novembro 24, 2005

Em jeito de homenagem ao magnífico concerto da última noite...

Senhoras e Senhores, Coldplay com 'Til Kingdom Come

One... Two...
Still (Steal?) my heart and hold my tongue
I feel my time, my time has come
Let me in, unlock the door
I never felt this way before

And the wheels just keep on turning
The drummer begins to drum
I don’t know which way i’m going
I don’t know which way i’ve come

Hold my head inside your hands
I need someone who understands
I need someone, someone who hears
For you i’ve waited all these years

For you i’d wait til kingdom come
Until my day, my day is done
And say you’ll come and set me free
Just say you’ll wait, you’ll wait for me

In your tears and in your blood
In your fire and in your flood
I hear you laugh, I heard you sing
I wouldn’t change a single thing

And the wheels just keep on turning
The drummers begin to drum
I don’t know which way i’m going
I don’t know what i’ve become

For you i’d wait til kingdom come
Until my days, my days are done
Say you’ll come and set me free
Just say you’ll wait, you’ll wait for me
Just say you’ll wait, you’ll wait for me
Just say you’ll wait, you’ll wait for me

quarta-feira, novembro 23, 2005

Mentiras cor-de-rosa

Afinal, qual destes senhores mente?José Sócrates, Primeiro-Ministro:

«A primeira vez que falei com Manuel Alegre sobre a candidatura do PS a Presidente da República foi para lhe transmitir que Mário Soares era a melhor candidatura para servir os portugueses e Portugal»

Manuel Alegre, candidato a Presidente da República:

«A partir daí, segundo me foi transmitido (...) e pelo próprio [José Sócrates], o candidato passei a ser eu. O candidato desejado. E tivemos várias conversas, combinações de conversas, vários sinais, quer directamente, quer por outras pessoas ou na presença de outras pessoas».

Portanto, e partindo do princípio que Manuel Alegre chega mesmo a Belém, passamos a ter a certeza absoluta que um dos dois, Primeiro-Ministro ou Presidente da República, é mentiroso...

É por estas e por outras que, cada vez mais, me parece correcto gritar, a plenos pulmões: "Vieira – um banana para uma República".

terça-feira, novembro 22, 2005

Isto é tudo muito giro, mas podiam falar português, ófaxavor!

Say what???Um tipo quando recebe uma carta registrada, oriunda do Ministério das Finanças, começa logo a pensar em coisas mil, entre as quais : "Prontos, desta é que me descobriram a conta na Suiça" ou até "Querem lá ver que não declarei no ano de 2001, aqueles 45.167.365.300$00 que fiz em mais valias, naquele negócio de armas para o Burkina Faso?".

Por conta destas dúvidas, desloquei-me à estação de correios indicada e foi com bastante agrado, que notei que o Sr. José Manuel Viana Felgueiras, excelso Chefe da minha Repartição de Finanças, me informa que:

Vt=Vc*A*Ca*Cl*Cq*Cv=61.410,00 €

Ou seja, tenho como Valor Patrimonial Tributário, o resultado da multiplicação do Valor Base do Prédio pela Área Bruta de Construção, pelo Coeficiente de Localização, pelo Coeficiente de Afectação, pelo Coeficiente de Qualidade e Conforto e finalmente pelo Coeficiente de Vetustez.

E agora pergunto eu:

Era preciso mandar uma carta registrada para me informar duma coisa destas? É que para ser muito sincero, para além de não perceber que raio significa isto tudo, não é uma coisa assim de uma importância por aí além.

Mas, obrigado na mesma, ó Zé!

sábado, novembro 19, 2005

Centro de decisão

Hoje de manhã, como é meu hábito, adquiri um jornal desportivo e, logo nas primeiras páginas, lá vinha escarrapachado:

"Hoje, em Braga, às 17h00, Sp.Braga-Benfica, na SportTv"

Às 17h00? Mas que raio de hora é esta? Não me recordo de um único jogo, entre as principais equipas do nosso campeonato, disputado a semelhante hora, nos últimos 6/7 anos. Estranho, se pensarmos que às 21h15 se disputará no Estádio do Dragão, o F.C.Porto-Académica, também com transmissão televisiva assegurada pelo canal codificado.

Quando, já nas últimas páginas do referido jornal, deparo com os seguintes títulos tudo fica claro:

"Grande clássico joga-se hoje no Santiago Barnabéu: Real Madrid-Barcelona, às 19h00, na SportTv"

"Chelsea recebe Newcastle, para entrar de novo na rota das vitórias" (às 15h00, na SportTv)

Triste futebol este, que submete os nossos clubes a horários de televisões e, pior ainda, a horários de clubes de países que não o nosso...

quinta-feira, novembro 17, 2005

E agora para um pouco de cultura:

armas barões assina/, k d ocidental praia lusa, p'mar nca dts navega, pass prala tapruba, perig guerr xforçados, + d q pumetia a forç umana, tre gte remot edfcram, new rei, k tnt sublim
Quê?!

Num destes dias à noite, desloquei-me pela primeira vez ao Teatro Armando Cortez para ver este enorme número de stand-up (que recomendo, por sinal) e ainda antes de entrar, deparei-me e até comentei com quem me acompanhava, com esta autêntica maravilha do Nacional-Porreirismo.

Para quê dois, DOIS, porque só um não era suficiente, DOIS sinais de sentido proíbido, e depois um de obrigatório virar à direita, quando a porcaria dos semáforos estão sempre vermelhos e a única saída da rua é fazendo inversão de marcha?
(cortesia não autorizada desta senhora)

Tendo em conta, que aparentemente, esta deveria ser a saída natural para quem tinha estacionado a sua viatura nesta rua - a que fica em frente da entrada do Teatro, logo um local em que à partida ninguém pensaria em ir estacionar o seu "bote" - das poucas coisas que me passaram pela cabeça foi: "Quê?!".

De notar alguns pormenores não identificáveis na imagem. A saber:

-Os semáforos estão permanentemente vermelhos. Não, não estou a exagerar. É para levar mesmo à letra. Aquilo está SEMPRE vermelho;
-Por debaixo do sentido proíbido do vosso lado direito, existe uma pequena placa que diz "Excepto Urgências";
-E a cereja no cimo do bolo, para mim, é mesmo o sinal de "obrigatório virar à direita".

Agora imaginem o que me sucedeu, quando o artista (que é um bom artista, note-se), termina toda a sua actuação referindo e descrevendo toda esta situação...

quarta-feira, novembro 16, 2005

Ahhh...ahhh...ahhhh...tchuuuuuuuuuuuu!!!E ao 6º dia de continente...

o nariz começou a pingar;
a garganta começou a doer;
e os lenços de papel voltaram ao bolso.

E enquanto isso, no Funchal, a mínima é de 16ºC...rai's partam!
Dúvida existencial

De uma vez por todas, quem é que me pode explicar quantos graus Celsius, representa o número "8" no meu forno? E já agora o "7" e o "6". Até agora aquele dígito tem apenas significado: "Quente comócaraças", mas ontem deparei com a seguinte instrução culinária:

"Coloque no forno durante 20 minutos a 220ºC"

O zero eu percebo, agora dali para a frente...

terça-feira, novembro 15, 2005

Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, que me dói tudo!

Isto é que era desporto pra mim...Doze anos de sedentarismo, cerveja, 20 cigarros/dia, entrecortados por 2 esporádicos jogos de futebol e por uma grande quantidade de corridas de Kart, tinham que dar nisto.

Integrei-me hoje à noite, num grupo de maltosa que pratica o desporto-rei - na sua versão de salão - todas as semanas, cortesia de um convite do meu cunhado.

Naturalmente após o aquecimento (vulgo mandar uns chutos à baliza...), já não havia oxigénio neste mundo que me chegasse e 5 minutos depois do início do encontro, lá vou eu para a baliza, porque infelizmente não havia suplentes.

Espero que as dores que neste momento existem, em músculos que desconhecia ter - como por exemplo o da falangeta do dedo mais pequeno do pé direito - desapareçam até para a semana, senão lá terei que me dedicar de novo ao Xadrez, isso sim um desporto calmo e descontraído. Só que dizem que não melhora a nossa condição física. Dizem, que eu não me creio muito nisso...

segunda-feira, novembro 14, 2005

Tanto tempo depois...

...volto a ouvir este senhor no "noventa e sete ponto quatro" da minha tufonia. Boa sorte, Pedro Ribeiro.

domingo, novembro 13, 2005

"A maior invenção desde a roda..."

15 anos de World Wide Web...caramba!...e faz hoje 15 anos. Foi neste mesmo dia, nos idos de 1990, que foi escrita a primeira página web, dando a esta data o significado simbólico do início desta magnífica rede mundial. Posso ser considerado um ultra-entusiasta da coisa - até porque vai ser essa a minha profissão de vida, teoricamente - mas o que a rede hoje permite é algo que a Humanidade nunca sequer sonhou. Permite tudo, ou quase: basta imaginar que alguém há-de inventar um serviço online que faça isso, mais cedo ou mais tarde. Julgo que vai fazer 12 anos, no próximo dia 12 de Dezembro, que "mexi" pela primeira vez na web, num modem de 9200 kbps, num "quiosque Internet" (o primeiro do país), no Fórum Picoas, em Lisboa. Desde aí que passo grande parte de todos os meus dias nesta "viagem do conhecimento", que a rede permite. Lembro-me (ainda tenho uma ou duas revistas guardadas) de comprar a primeira publicação portuguesa sobre a rede - a Cyber.Net - que trazia na lomba o número de utilizadores da Internet naquele mês (e lembro de achar o número de 2,9 milhões uma enormidade...hoje parece ridículo), lembro-me do tempo que demorava a carregar a minha primeira página favorita (o NBA.Com, porque havia o fenómeno Air Jordan), lembro-me das primeiras conversas da Net...enfim, todo um manancial de coisas que a Net me ofereceu. A propósito, ainda ontem passei o dia numa festa de anos, duma criança (ver post abaixo) cujos pais eu não conhecia, se não fosse a rede (e já agora, julgo que nem eles se conheceriam). Grande parte dos meus amigos foi-me permitido conhecer através da rede e até já tive uma namorada que conheci na rede, num destes programas de chat que hoje quase se tornaram comuns na nossa vida. A rede permite que, por exemplo, e antes deste post, eu tenha estado a ler os artigos do Sunday Times sobre este tema, imprimindo-os para leitura imediata e gratuita. Dir-me-ão que a rede também tem muitos problemas, e que permite, por exemplo, que os incidentes de França sejam melhor preparados por uma "info-comunidade". É verdade. Mas caramba, por uma vez, vamos olhar para esta obra da Humanidade de forma positiva. Se permite os distúrbios de França, também permite projectos como a Wikipedia. Se permite a distribuição de pornografia, permite a troca de conhecimentos (e até de sentimentos). Se permite a info-criminalidade, permite a expansão da liberdade de opinião em espaços como essa obra magnífica que é a "blogosfera". É, não duvidem, a maior revolução que a Humanidade já criou. E só fez 15 anos!

sábado, novembro 12, 2005

Um ano de Beatriz...

Novembro de 2004
12 de Novembro de 2004
Novembro de 2005
12 de Novembro de 2005

Parabéns, querida!
The logical song(s)

À espera de levantar voo, no Aeroporto do Funchal, ouviam-se mornas cabo-verdianas.
Após a chegada ao Aeroporto de Lisboa, ouvia-se o Septeto Habanero.

Nada de mais, lembrou-me a minha caríssima companheira...afinal, estávamos mesmo a viajar de África para Cuba.

sexta-feira, novembro 11, 2005

desBlogueador de Conversa, blog com conteúdos submetidos a tratamento editorial e organizados como um todo coerente

Our brain hurtssss...Nelson Santos (NS) - Ora muito bem! Já estão todos?
João Alves (JA) - Eh pá, esperem aí um bocadinho, que eu ainda estou aqui a acabar de comer uma coisa!
NS - Chiça, é sempre o mesmo cocó. Porra, pá, acelera o passo! E depois admiras-te de ganhar peso. Estás sempre sentado e a comer...
JA - Isso é alguma piada de mau gosto?
NS - ...
Sara Jofre (SJ) - É nada! Este gaijo lá diz piadas? E muito menos de mau gosto...
NS - Olha a engraçadinha! Vê lá se te cai um dentinho com a piadola...
Carlos Vilela (CV) - Bom, juízo! Acabem lá com isso, ó caraças!
Joaquim Varela (JV) - Isso!
NS - Bom, então declaro aberta esta reunião da direcção editorial aqui da tasca, para discutirmos aquilo que vamos publicar esta semana que vem! Alguém tem alguma coisa para apresentar?
JV - Eh pá, eu tinha aqui umas ideias sobre o futebol...
NS - Futebol? Então mas tu não sabes escrever sobre mais nada? Deixa-me adivinhar. É sobre a selecção que vai jogar esta semana?
JV - Não, é sobre o Pinto da Cos...
NS - Outra vez o Pinto da Costa? Já estou farto do Pinto da Costa!
JA - E qual é o problema? Farto dele anda quase toda a gente. Agora és adepto do FCP, é?
NS - Não é nada disso. Só que acho que o futebol já enjoa. Ainda no outro dia, eram milhares e milhares de caracteres sobre essa porcaria. E sabes muito bem que deixei de ligar ao futebol e tudo.
JV - Bom então podia escrever qualquer coisa sobre o futebol nos países da África sub-Sahariana.
Liliana de Almeida (LA) - E tu achas que alguém se interessa por isso?
JV - Não interessa porque nunca leram nada sobre o assunto! Sabes, por exemplo, que no Níger, todos os clubes de futebol da I Divis..
LA - Ganha juízo! Quero lá saber disso!
NS - Isso é parvo, pá!
JA - Eu posso escrever algo sobre o FM2006, 'prontos'.
NS - Isso muito menos, pá! Então eu acabei de dizer que o futebol era um assunto muito batido! Eu sugiro que se fale no OE deste ano.
JV - No quê?
SJ - Eh pá, eu custa-me a acreditar neste gaijo. Que é que tu andaste a fazer na Universidade? A passear os livros? Não sabes o que é o OE? O Orçamento do Estado, homem!
JV - Ah, sim. Parece que agora vão transferir umas verbas do Euromilhões para os clubes de futebol, porque com o pass..
LA - E ele a dar-lhe com a porra do futebol! Cala-te com essa porcaria, pá!
NS - Que acham do OE? Ou isso ou podíamos sugerir que o Mário Soares faz sexo louco com o José Sócrates, é tudo filmado pelo Santana Lopes e publicado no site do Manuel Alegre! Posso até fazer um boneco com ele e tal!
PS - Peço desculpa, mas isso não tem jeito nenhum. Isso é ridículo! Onde já se viu uma coisa dessas, pá?
NS - Olha, nunca se sabe. Um tipo está aqui a dizer uns disparates e ...
CV - Alguma vez. Mal por mal, meta-se qualquer coisa de futebol. Ou melhor ainda. Podemos organizar aqui um curso intensivo de "Flight Simulator". Que é que acham?
LA - Ou podemos dedicar-nos a investigar todos os disparates que se fazem nos hospitais deste país!
JA - Isso nem um livro do tamanho da Bíblia chegava, ehehehe...
NS - Eu acho que nos devemos centrar nas Eleições Presidenciais!
SJ - Eu não. Eu apostava numa secção dedicada à análise da literatura de cordel!
JV - Hein?! Mas isso tem algum jeito?
SJ - Então não tem? Não viste o que fizeram no outro dia à Margarida Rebelo Pinto? Aquilo anda a correr por tudo quanto é lado.
JV - Eu só apoio isso se também houver aqui uma coluna de previsões do fim-de-semana desportivo.
PS - E ele a dar-lhe! Vamos mas é tornar isto num blog de crítica cinematográfica!
NS - Não! O Soares é que é! Soares é foca! Que é que acham do trocadilho? Não?!
CV - E que tal a caça submarina?
LA - A eleição do champô do ano!
JA - E que tal um curso acelerado de programação em VB?
NS - Alguma vez? Estão parvos ou quê? Então não vêem que, ao pé disso, o Soares salta logo à vista como o assunto mais importante?
JV - E que tal a problemática do médio defensivo no Calcio?
SJ - E que tal um roteiro do Porto?
LA - Nada disso! Um curso de iniciação ao jornalismo?
JA - Ah e tal, e que tal um sobre o Tojas?
PS - Eu acho que nos devíamos alargar ao estrangeiro. Ter uns correspondentes na Ásia, ou na Oceânia! Depois podiam falar de coisas dessas zonas do globo.
JA - Então mas se já temos dois em Cuba, ainda queres mais? ehehehe
CV - Três, se faz favor!
JA - Peço desculpa!
JV - E uma análise detalhada ao Campeonato do Mundo de F1 de 1976?
NS - É pá, eu continuo com a minha. Vamos centrar-nos no Soares! Isso ou então o Sócrates a...
JA - E que tal assim umas fotografias de mulheres nuas e famosas, como por exemplo da Eva Langorio, para ver se aumentávamos o número de visitas?
JV - Hein? Mais ainda? No outro dia esta andorinha meteu aquela foto da miss Playboy, e é vê-los aos magotes...
SJ - Isso só concordo se forem metidas também fotos de gaijos bons!
LA - Apoiado!
PS - Pfffff Se isso for para a frente, desisto!
JA - Como assim?
PS - Se meterem fotos de malta nua desisto!
JA - Algum problema?
JV - Não, mas acho que, de facto, meter fotos de nudez, só por meter, é fútil.
JA - Olha, olha, querem lá ver que temos aqui meninos? Não gostas é?
PS - Não é isso! Sab...
NS - Olha outro! Isto é só totós! Eles gostam é de ver pensionistas, sabes? Vai na volta são eles que aqui aparecem à procura de fotos nuas da Maria Alice!
JV - Já há fotos do Nuno Gomes nu na net?
CV - Não pá! A Maria Alice é a Lili Caneças, pá! Eu também não concordo com isso e tam...
JA - Olha-me outro. Isto é só púúúúdiiiiicúúúús!
SJ - Acabem lá com essas merdas de provar que não são maricas, ófaxavor e vamos mas é lá ao que interessa! Eu sugiro uma crítica literária!
JV - Boa ideia. Podemos começar pelo livro do Vítor Baía!
NS - Ou então aquele do Cavaco Silva!
CV - Ou o manual do DC-110!
JA - E que tal o manual do FM-2006? Aquilo está cheio de erros!
LA - Nada disso! Eu sugiro um livro muito bom do Professor Carrageta.
PS - E um que saiu agora sobre o funcionamento do Parlamento Europeu!
JV - Ainda aqui há uns dias também vi um sobre o Gilles Villeneuve...
SJ - Há um muito interessante do Padre Vít...
NS - E que tal o Mário Soares?
JV - O Benfica!
NS - E ele a dar-lhe com o Benfica. Só aceito temas que envolvam o Benfica se falares do Kit do novo sócio!
LA - O Carrageta!
JA - O Sportem!
NS - O Soares!
SJ - A Eunice Muñoz!
JV - O Benfica!
CV - O futebol!
NS - O Mário Soares, pá!
JV - ...
SJ - ...
JA - E que tal o CM 2005? Não? Então pode ser os Monty Python!
NS - Isso também era bom, mas já está aqui muito batido! O Soares é que é! Soares é foca!
LA - ...
JA - E que tal o OE 2006?
NS - Nã, nã, nã! Tem de ser o Soares!
CV - ...
JV - ...
JA - Ma... bom e gaijas boas?
NS - Não! O que está a dar é o Soares!
SJ - Sim, já se percebeu...
NS - Sim, mas não custa dizer mais uma vez. Já viram o que é que o tipo agora tem por aí espalhado por todo o lado? Temos que pegar nisto!
JV - Olha, há lá um cartaz ao pé do Estádio do Benfica qu...
NS - Futebol não! Tem de ser o Mário Soares!
JA - Olha, por falar nisso. Vocês sabem que o Peseiro ganhou mais um prémio de treinador do ano? Ehehehe...
CV - ...
PS - ...
SJ - ...
LA - ...
JV - ...ma...
NS - Acho nada. É o Mário Soares!

(...)

O "home-made video" levado ao extremo:

Sweet little 16...Acabei de ver o programa da SIC Mulher, '6Teen', onde os convidados foram os Gato Fedorento e, após o mesmo, idealizei esta proposta que, por este meio, envio ao director dos canais temáticos da SIC:

"Exmo. Sr. Director

Gostaria de lhe apresentar uma nova proposta para um programa de televisão, para passar num dos seus canais temáticos. Será o mesmo feito a partir da minha sala de estar, para a qual convidarei uns amigos para conversarmos diariamente sobre o sentido da vida e, o mais importante, os resultados de uma 1ª liga europeia qualquer e qual a lingerie que ficaria melhor em Eva Longoria, caso ela fosse convidada do programa e estivesse coberta de chocolate. Na onda de profissionalismo em que me inspiro - seguida pelo seu programa '6Teen', estarei com os meus convidados alegremente sentado no tapete da sala, rodeado por umas cervejas e umas batatas fritas, enquanto gozamos alarvemente com tudo o que seja minimamente susceptível. Teremos também convidados de algum gabarito que mais não servirão do que para meros objectos de decoração do estúdio. Eventualmente, tentaremos passar todos (eu e os meus convidados) por jovens adolescentes, apesar de estar previsto para o primeiro programa a presença do Prof. Fernando Pádua. No final, os meus convidados irão ajudar-me em como me vestir para o dia seguinte, escolhendo entre as minhas boxers do Bart Simpson ou as dos sapos. Para aumentar as audiências, e tendo em conta que não tenho os atributos físicos destas apresentadoras, prometo não desvendar nem um ombro.

Atentamente,

João Alves"

Ah, bom! Até parecia mal!
Sim senhora, nem sequer se engasgou, a valente!Lapsus linguae - parte II

Descrevendo o já célebre lapsus linguae da jornalista da SIC Notícias, Ana Lourenço, diz um shôr engenheiro aqui da obra:

"A moça não esteve mal, nem sequer se engasgou!"

Ora, estando nós a falar de uma profissional que trocou, em pleno directo televisivo, o apelido de um político chamado Borges, pelo nome popularmente associado à bela arte do fellatio...
Daqui a menos de 10 horas...

Bye bye Madeira, até breve!

Este que vos fala, a respectiva companheira de vida, e a amorosa filha de ambos (que amanhã cumpre o seu primeiro aniversário de vida, para gáudio de todos os envolvidos) partirão para duas merecidas semanas de férias. De saída da Madeira e de volta ao continente!

Comentário mais recorrente deste vosso amigo desBlogueador, nos últimos dias:

Até qu'enfiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmmmmm!!!

quinta-feira, novembro 10, 2005

Eh, pá...

...já nem sei dizer há quanto tempo, é que um mísero litro de Gasolina, custava menos de 1,2 Euros* ?

*eu sei que se deve escrever Euro, mas não concordo com essa regra!

terça-feira, novembro 08, 2005

Sporting Clube de Portugal - Campeão nacional 2005/2006

Campeões, camp...de quê, mesmo?

"E ninguém pára o Sporting, ninguém pára o Sporting, ninguém pára o Sporting, allez ohhhhh..."

E, se alguém tentar, o mais certo é levar com um balázio p'lo meio dos olhos!
Considerações sobre aquilo que verdadeiramente interessa. O futebol, claro!

Back in the old days...O futebol que, tal como a Igreja Católica Romana, prima por acompanhar de perto todas as mutações da sociedade que o rodeia (abro aqui o meu primeiro parêntesis, para explicar aos mais desatentos, que esta é uma frase irónica, uma vez que o desporto-rei, tem a velocidade de um caracol que segue as indicações de um koala, quando toca a adaptar-se a inovações), sofreu no passado fim de semana, mais uma dura machadada na sua imagem pública.

Há uns senhores, que ninguém conhece (ou pelo menos eles não se dão a conhecer), de considerável idade, que formam um tal de International Board. Reúnem-se uma vez por ano, ao que julgo saber em terras britânicas e que para além de serem considerados uma espécie de "guardiões" de um tesouro inexpugnável, primam por todos os anos (se calhar para justificar algumas receitas chorudas que obtêm) fazer pequenas alterações às leis do jogo. Ora, estas alterações, são quase sempre ínfimas e com muito pouco sentido prático (ah e tal, o fora de jogo começa a contar a partir do joelho e não da anca, como anteriormente). Assim sendo, em vez de tornarem a interpretação das leis mais claras, só geram a confusão e, não poucas vezes, a prática acaba por fazer com que sejam pouco aplicadas ou até esquecidas.

Basicamente são os "Velhos do Restelo do Futebol". Alegam que as leis do jogo já têm muitos anos e que foram estas mesmas leis que tornaram o jogo no fenómeno dos nossos dias e que qualquer alteração deve ser muito bem ponderada e patati e patata.

Neste fim de semana ocorreram uma série de situações, nos principais jogos da nossa I Liga, que me fizeram discorrer aqui, aquilo que eu acho que deveria mudar no desporto-rei, a bem de todos. Primeiro o que aconteceu, e só referindo os jogos mais mediáticos:

- No Sporting-União de Leiria, um fiscal de linha e também o árbitro da partida, não viram um golo da equipa visitante. É uma situação que quase que entra no domínio do surreal. A bola estava entre meio metro e um metro dentro da baliza do Sporting, e é caso para aplicar aqui um velho slogan militar: Só eles é que estavam com o passo certo! Só aqueles dois assopradores de apito é que não viram o lance. Para mim, este caso nem é daqueles que justifica a introdução da famosa "bola com chip", de que se anda a falar há mais de dois anos, tal a clareza da situação;

- No Benfica-Rio Ave (o que vou escrever a seguir é com base no que toda a gente diz/escreve, porque eu fui ao estádio e curiosamente até nem saí de lá com má impressão da arbitragem), houve dois lances de potencial perigo, na 1ª parte, que foram cortados por alegados fora-de-jogo, ao ataque do Benfica. O 2ª golo dos vila-condenses foi precedido de um fora-de-jogo de mais de 1 metro e o 1º golo do Benfica nasce de uma falta inexistente;

- Logo de seguida, em Paços de Ferreira, fica por assinalar uma grande penalidade contra o FCP e é anulado um golo limpo a Hugo Almeida.

O que aconteceu de seguida era mais que previsível. Toda a gente se queixou. Treinadores, jogadores, dirigentes (estes com a particularidade de, regra geral, só verem os lances que prejudicam a sua equipa e assobiarem para o lado na situação adversa), adeptos de sofá - que hoje em dia estão armados de um considerável arsenal de câmaras e ângulos diversos, em velocidade real, em slow-motion, em super-slow-motion, em sei lá que mais - e os do estádio que depois se sentam no sofá, vêm estes lances até à exaustão, analisam e começam as suspeitas, as acusações.

São clássicos muitos e muitos erros de arbitragem com influência nos resultados das partidas, mas a meu ver, estes que acabei de nomear, teriam uma solução deveras simples, assim quisessem os tais "Velho do Restelo".

A memória permite-me ainda aqui juntar alguns erros deste calibre e que tiveram influência no resultado da partida. Atenção que eu sei muito bem, que os vitoriosos poderiam continuar a ser os mesmos, mas é inegável que há decisões que influenciam o desenrolar das partidas.

1 - Final do Campeonato do Mundo de 1966, o 3º golo dos ingleses validado por supostamente a bola ter ultrapassado a linha de golo, devolvida pela trave. Talvez seja o 1º caso documentado de situações dúbias. Se não o é, pelo menos é o mais famoso;

2 - A célebre "mão de Deus" de Maradona, no Argentina-Inglaterra do Mundial do México, em 1986;

3 - O Portugal-Liechtenstein, da fase de apuramento para o Campeonato do Mundo da Alemanha, no mês que vem, em que um defesa do Liechtenstein (como raio se chama um habitante deste grão-ducado?) substitui o seu guarda-redes e defende com a mão uma bola que se dirigia para a baliza;

4 - O célebre lance de Vítor Baía, o ano transacto no Estádio da Luz, que felizmente acabou por não ter influência nas contas finais do campeonato;

5 - Deste mesmo jogador, uma defesa com as mãos, uns valentes metros fora da sua área, num jogo em Barcelos, contra o Gil Vicente;

6 - Um célebre Benfica-Sporting, que terminou 2-2, em que houve tantos disparates que nem os vou nomear;

7 - A meia final entre o Liverpool e o Chelsea, da Liga dos Campeões do ano passado, que foi resolvida com um golo-fantasma;

8 - Um Manchester United-Tottenham, da época transacta, em que um lance também surreal (mas mais desculpável) em termos de análise do trio de arbitragem, sonegou um golo a Pedro Mendes;

9 - Já esta época o Real Madrid perdeu um jogo em casa, com um golo-fantasma (julgo que frente ao Celta de Vigo);

10 - As eliminações vergonhosas, quer da Itália, quer da Espanha, no último Campeonato do Mundo, frente à anfitriã Coreia do Sul;

11 - Uma meia-final da Taça dos Campeões Europeus, no Estádio da Luz, entre o Benfica e o Marselha, em que o golo decisivo, foi marcado com a mão, pelo benfiquista Vata;

12 - A qualificação da Selecção Nacional para o Europeu de 1984, às custas de um "penalty" inexistente, sobre Fernando Chalana.


E quantos mais dias eu despendesse a pensar nestes casos, mais me ocorreriam.

Ora bem, a meu ver, o futebol tem de acompanhar o mundo. Tem de se adaptar, e o quanto antes, aos tempos que correm. É um chavão mil vezes repetido, mas que não vejo ser posto em prática. Anos e anos, demoram decisões que poderiam ser tomadas em semanas, ou em vá lá 3 meses, para que haja uma discussão do assunto. Hoje em dia, na Europa, ao nível de clubes, e no mundo, ao nível das selecções, há cada vez mais dinheiro envolvido neste negócio e não se percebe, de todo, a razão de tanta inércia. Quase todos os jogos e os principais lances são escalpelizados ao milímetro, e o consumidor desta indústria sente-se, a cada dia que passa, defraudado com os erros que teimam em não desaparecer.

Eis então aquilo que eu penso que deveria ser mudado no desporto, e com carácter de alguma urgência, tendo por base 3 décadas de espectador e adepto do desporto, e muito centrada no continente europeu:

Regras do Jogo:

- Ao bom estilo do famigerado "Subbuteo", colocar uma linha, em cada meio-campo, distante cerca de 30 metros da linha de golo e paralela a esta. Somente a partir dessa linha se poderiam considerar situações de fora de jogo, em vez da linha de meio campo, como actualmente ocorre. Isto iria obrigar necessariamente à existência de mais espaço para se jogar;

- Introdução da tão famosa "bola com chip", e respectivo sinal "avisador" para o juiz da partida, que anda a ser testada há anos e anos e anos;

- Fim dos 45 minutos de jogo em cada parte e introdução de 2 partes de 25 minutos de tempo real ao bom estilo da grande maioria dos desportos em que se utilizam períodos de tempo de jogo. Defendo só este sistema nas competições que vou nomear no ponto seguinte. Aquelas que eu considero as mais importantes. As restantes continuarão a reger-se pelo sistema actual.


Arbitragem

Introdução, nas principais competições, de um árbitro na cabina de realização. Hoje em dia, quase todos os jogos têm transmissão televisiva e não é por aí que eu encontro entraves. Este é um sistema que é utilizado no raguêbi, com inegável sucesso. Defendo que em fases finais de competições de Selecções, fases de apuramento das mesmas, Liga dos Campeões (com a 3ª pré-eliminatória incluída), a actual fase de grupos da Taça UEFA e as principais competições domésticas dos países que quisessem aderir a este sistema, isto deveria ser aplicado. Em Portugal julgo que deveria ser só na I Liga e na Taça de Portugal, a partir de determinada fase da competição - por exemplo os oitavos-de-final. Não defendo que o jogo esteja permanentemente a ser interrompido, para se consultar as imagens televisivas. Mas um sistema que funcione da seguinte forma parece-me perto de algo de positivo:

- o 5º árbitro poderá, num espaço de tempo entre 15 a 20 segundos após o ocorrido, avisar o árbitro principal de algo que tenha detectado e passado despercebido a este, desde que o mesmo seja relevante;

- Em qualquer altura, o juiz da partida pode interrogar o 5º árbitro sobre determinado lance e este teria também um curto período de tempo para dar o seu veredicto;

- Em situações em que hajam dúvidas no fora de jogo, deixa-se correr o jogo e caso ocorra um golo, o 5º árbitro dará o seu veredicto;

- Durante todo o jogo, os treinadores das equipas poderiam solicitar a intervenção do 5º árbitro, não mais que duas vezes sendo que, se não lhe for dada razão, o mesmo será privado de uma substituição.

Os defensores dos "Velhos do Restelo" irão, por certo, já atirar para o ar que isto não seria justo. Que só os jogos mais importantes, nos estádios mais importantes, têm condições para levar esta prática avante e por aí fora. Pois eis mais algumas modificações, que eu considerava importantes e que se calhar facilitariam a aplicabilidade destas medidas:

Competições Internacionais

Ao nível de selecções, a redução do número dos jogos de qualificação das selecções europeias, fazendo uma triagem das equipas mais fracas. Eu sei que isto não é muito democrático, mas meus amigos, não há pachorra para tantos Itália-Ilhas Faroé, França-Arménia, Portugal-Andorra etc... Pegavam nas 20 (ou 19 ou 18 conforme fosse mais prático para a elaboração dos grupos de apuramento) equipas mais fracas, com base nos inúmeros rankings que por aí existem, e destas faziam apurar 4 para as fases de grupos, duma qualquer forma a eliminar. Se formos a analisar as jornadas de apuramento, na Europa, para as principais competições, ao nível de selecções, há no máximo 2/3 jogos de real interesse. O resto são os chamados "jogos da treta", muitos deles com estas equipas fracas.

Competições Nacionais

- Redução da nossa I Liga para 12 clubes. Calma! Não iriam diminuir drasticamente o número de jogos. Defendo que se jogue uma 1ª fase, ao clássico estilo "todos contra todos a 2 voltas", o que perfazia 22 jornadas. A partir daqui, apareciam 2 grupos de 6 equipas, em que no 1º se lutaria pelo título e no segundo se lutaria pela descida de divisão, mais uma vez no sistema "todos contra todos a 2 voltas". Ou seja, mais 10 jornadas. No total teríamos 32 jornadas em vez das actuais 34;

- Na II Liga jogariam 18 equipas como actualmente;

- Desceria somente o último classificado da I Liga;

- Na I Liga haveriam somente 3 jogos televisionados, porque não há pachorra para tanto jogo na TV. Um no Sábado à noite. Um no Domingo à noite. Os restantes 4 seriam disputados no Domingo à tarde, sendo que um seria televisionado;

- Tudo somado, em cada fim de semana haveriam 15 jogos de futebol profissional em Portugal. Parece-me mais que suficiente que houvesse um quadro de árbitros, constituído por não mais de 22 assopradores do apito, bem pagos e responsabilizados pelo seu desempenho;

- Destas 2 divisões para baixo, nem me interessa atirar postas de pescada. Organizem o que muito bem entenderem, com mais ou menos zonas, ou lá o que muito bem entenderem e jogue-se como até aqui.

E prontos! É basicamente isto. Naturalmente sujeito a discussão.

PS: Ainda me esqueci desta. Uma equipa, para jogar na nossa I Liga, teria que jogar num estádio em condições. Num estádio em que pudesse ser instalado todo o arsenal de câmaras, e que possibilitasse um bom visionamento dos lances. Estádios como os do Nacional da Madeira, do Paços de Ferreira, do Estrela da Amadora, do Penafiel, do Moreirense, etc., não reúnem essas condições. Os clubes, ou arranjavam alternativas ou então passavam a bola a outrém!