quinta-feira, julho 30, 2015

Câmara de Lisboa deve milhares de euros à PSP | Económico

"Quero levar a experiência do que fiz em Lisboa e ampliá-la ao resto do País" - António Costa





Câmara de Lisboa deve milhares de euros à PSP | Económico:



'via Blog this'

sábado, julho 18, 2015

Jovens trabalham por tostões. Não foi sempre assim?

Hoje saiu no DN uma notícia com o título: "Trabalhar nas férias a 10 euros por dia para não pedir dinheiro à mãe", na qual se "informa" que há jovens que trabalham 5h30 por dia para ganharem 10 euros. Meto o informa entre aspas porque essa realidade existe desde que me lembro. Não sei qual é a idade da jornalista Ana Bela Ferreira, qual a intenção da "notícia" e qual a realidade que ela viveu, mas a minha realidade sempre foi esta. Desde trabalhar nos bares de praia (esses eram os mais sortudos) a ir para as vindimas. Tudo por uns "míseros" tostões que sabiam muito bem a quem os ganhava e que faziam a pessoa aprender o valor do trabalho e o que custa o dinheiro. Mas talvez a re
alidade da jornalista seja a aquela que permite aos jovens irem para a praia gozar o sol, recebendo os subsídios de sobrevivência pagos pelos contribuintes que, ganhando mais do que 10 euros por dia, deixam mais de metade no estado e não têm como tirar férias.

terça-feira, julho 07, 2015

Todos temos de ajudar a Grécia... menos eu.

De acordo com os dados das últimas legislativas, temos em Portugal mais de 900 mil pessoas que votaram em partidos com ideias radicais. Ou seja, pelo menos mais de 900 mil pessoas em Portugal concordam com as ideias do Syriza. O número subirá se considerarmos que muitos daqueles que votam PS também concordam (basta ouvir as declarações do líder socialista para o concluir). Mas fiquemo-nos pelos 900 mil radicais. 900 mil pessoas que querem que o dinheiro chegue à Grécia e, como tal, não se importarão de pagar para tal acontecer. 900 mil só em Portugal, muitos milhões por essa Europa fora.

Um Britânico levou a cabo uma tentativa de reunir €1,600,000,000 EUR num fundo para o qual se doava através da internet. Queria esse Britânico alcançar esse valor em 8 dias contando com o apoio de todos os "Syrizas" europeus. A verdade é que ao fim de 8 dias nem aos 2 milhões chegaram e só conseguiram doações de 108,654 pessoas por toda a Europa (menos de metade dos que votaram no BE).

E assim, mais uma vez comprovamos que os radicais gostam muito de exigir que a "sociedade" lhes pague a vida. Desde que a "sociedade" não sejam eles.

sexta-feira, julho 03, 2015

Citações


Os líderes das pessoas que se atrasaram a nível económico e educacional ensinaram os seus seguidores a culpar outras pessoas por todos os seus problemas - e a odiar essas pessoas.
Thomas Sowell

quinta-feira, julho 02, 2015

Vamos livrar o pescoço à Grécia... Vamos?

Há aquela campanha de angariação de dinheiro para pagar a dívida Grega. A tal que pede €1,600,000,000 EUR numa semana para salvar o pescoço dos gregos. todos falam que é um grande sucesso... Ora, se pensarmos que em 3 dias conseguiram mais de 1 milhão, é um sucesso, ou era se o objectivo final fossem 2 ou 3 milhões. Se tivermos em conta que a Europa tem mais de 700 milhões de habitantes, que o tipo que promoveu esta campanha diz que "basta" cada um dar cerca de 3 euros, e que nem 100.000 pessoas doaram em 3 dias, parece-me antes um fracasso e não um sucesso. Se tivermos também em conta que este valor é para safar o pescoço à Grécia POR UM MÊS e que para lhe livrarmos o pescoço totalmente (ou seja, pagar a dívida total) em vez de 3 euros cada um tinha de dar cerca de 400, se calhar percebemos que a campanha é não só um fracasso, como totalmente inútil. Mas força nisso... estendam a campanha por 1 ano que talvez cheguem lá.